Livros infantis para o Dia da Consciência Negra

Livros infantis para o Dia da Consciência Negra

Dia 20 de novembro é Dia da Consciência Negra, e preparamos uma lista com Livros infantis para trabalhar com as crianças.
Confira:

 O Menino Marrom – Ziraldo – Editora Melhoramentos

O Menino Marrom é um daqueles livros que você deve ter na sua biblioteca, não importa quantos outros você já tem.
Esse não é um livro que fala diretamente sobre o preconceito e o racismo, mas sim sobre as diferenças e como devemos nos comportar diante delas.
É um ótimo livro para conversar com as crianças sobre as diferenças entre as pessoas, podendo até extrapolar e falar sobre bullying com elas.
COMPRE O LIVRO AQUI!

 

Lápis Cor de Pele – Daniela de Brito – Cortez Editora

Ana, em seu primeiro dia de aula, ficou surpresa quando viu que os colegas tinham um “lápis cor de pele”. Então, pensou: “Será que gente só tem uma cor?” A partir daquele dia, começou a prestar atenção nas pessoas e descobriu coisas que nunca havia percebido antes.
Notou que os olhos, cabelos e bocas de seus amigos eram bem diferentes uns dos outros.
E começou a pensar que o mais legal era justamente isso.
Que sem graça seria o mundo se todos fossem iguais!
COMPRE AQUI!

A Cor de Coraline – Alexandre Rampazo – Editora ROCCO

Quantas cores cabem na pergunta “Me empresta o lápis cor de pele?”. Em A cor de Coraline, o ilustrador, designer gráfico e escritor Alexandre Rampazo passeia pelas inúmeras possibilidades contidas numa caixa de lápis de cor e na imaginação infantil a partir da pergunta de um colega para a pequena Coraline, e mostra que o mundo é mais colorido – e diverso – do que nos acostumamos a pensar. Com texto curto e bem-humorado e ilustrações graciosas, o livro aborda o tema da diversidade de forma lúdica para os pequenos.
COMPRE AQUI!

O Cabelo de Lelê –  Valéria Belém

Lelê era uma garotinha que não gostava do seu cabelo até descobrir através da leitura as suas origens. Depois disso ela fica encantada e orgulhosa de seus cachinhos.
COMPRE AQUI!

 

Os cabelos de Sara Gisele Gama Andrade – Editora Abaquar

Os cabelos de Sara discute, em mais uma historinha da simpática personagem Sara, um assunto importante: o respeito à diversidade. É uma excelente oportunidade de professores e estudantes das séries iniciais debaterem o tema em sala de aula.
COMPRE AQUI!

Menina bonita do laço de fita – Ana Maria Machado – Editora Ática

Traz uma linda história de valorização da beleza negra, onde um coelho branquinho queria casar-se e ter uma filha “bem pretinha”. Durante a obra, o coelho tenta descobrir o segredo para conquistar o seu tão sonhado desejo. Leia o livro e acompanhe a busca do coelhinho!
COMPRE AQUI!

Minha mãe é negra sim! – Patrícia Santana – Mazza Edições

O livro “Minha mãe é negra sim!”, da autora Patrícia Santana, conta a história do menino Eno, que se vê às voltas com o racismo na escola e sofre com o dilema de ter que retratar sua mãe negra, em uma atividade escolar. O garoto Eno é levado a se perguntar pela sua origem. Negro, ele percebe o preconceito da professora que sugere que Eno pinte o desenho da mãe, negra, de amarelo por ser uma cor mais bonita. Não pode haver tristeza maior para o seu coração. A mãe, que ele tanto amava e era tão linda! E a professora era professora, afinal tão difícil era contestá-la. Mesmo triste Eno procura saber no dicionário uma explicação para o preconceito. O dicionário não ajudou e ele seguia triste até que o avô tem uma conversa decisiva com ele. E mais do que conversa, aconchegou-o com todo amor.
COMPRE AQUI!

Meninas Negras – Madu Costa – Col. Griot Mirim

Griot é o contador de histórias africano que passa a tradição dos antepassados de geração em geração. O objetivo dessa coleção é trabalhar a identidade afrodescendente na imaginação infantil. E é justamente à imaginação que esses livros falam a partir de uma composição sensível, de textos curtos e poéticos, associados a belas ilustrações. Modo lúdico de reforçar a autoestima da criança a partir da valorização de seus antepassados, de sua cultura e de sua cor.
COMPRE AQUI!

Cada um com seu jeito, cada jeito é de um! –  Lucimar Rosa Dias – Editora Alvorada

O livro infantil conta a história de Luanda, uma menina negra muito sapeca e vaidosa, que adora o seu cabelo crespo onde envolve todas da família nos diversos penteados que inventa para desfilar sempre linda na escola. Foi seu pai quem escolheu esse nome para ela por acreditar que ela seria tão linda quanto à cidade africana que ele conheceu quando era jovem. A leitura promove o reconhecimento e a valorização das diferenças e das características pessoais que fazem de cada indivíduo um ser único e que deve se amar do jeitinho que é.

Obax – André Neves – Editora Brinque-Book

Quando o sol acorda nos céu das savanas, uma luz fina se espalha sobre a vegetação escura e rasteira. O dia aquece e é hora de descobrir muitas aventuras. OBAX percorre a savana africana com a sua imaginação. Ela conhece girafas e outros animais selvagens, mas o seu passatempo preferido é contar histórias! Algumas delas são tão incríveis que mais parecem um sonho. As ilustrações são excepcionais e o texto nos proporciona um passeio pela diversidade e pluralidade do continente africano.
COMPRE AQUI!

Ifá, o Adivinho – Reginaldo Prandi – Companhia das Letrinhas

O livro nos apresenta um rico conjunto de personagens, costumes e modos de agir do universo cultural africano que se tornou parte constitutiva da diversidade cultural brasileira. Conta a história de um adivinho chamado Ifá que jogava seus búzios mágicos e desvendava o destino das pessoas que o consultavam. Ele as ajudava a resolver todo tipo de problema, mas o que mais gostava de fazer era auxiliá-las a se defender da Morte. Um dia, a Morte, irritada com a intromissão de Ifá em seus negócios, decidiu acabar com ele. Ifá foi salvo da Morte pela intervenção de uma corajosa donzela chamada Euá, e pôde continuar seu trabalho de ler a sorte, predizer o futuro e proteger as pessoas da Morte.
COMPRE AQUI!

Bela e o Menino Manchado – Agláia Tavares – Editora Inveso

Esse livro conta a história do Zé e da Bela. É uma pequena história sobre uma doença e como conviver com ela. É sobre diferença e preconceito. Mas também sobre respeito. Zé, com vitiligo, aprende a conviver E não precisa mais se esconder Somos assim, somos assado, Somos baixo, alto. Gordo ou magro. Somos branco ou amarelo. Somos negro ou manchado.”
COMPRE AQUI!

 

E você, tem alguma dica de livro sobre esse tema? Deixe nos comentários 🙂

 

 

Comentários

Professora de Educação Infantil e Criadora da Professora Coruja.
“Acredito que a Educação é um esforço colaborativo.”

No Comments

Leave a Comment

Your email address will not be published.